Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2011

EVOLUÇÃO: A LEI DA VIDA

Evolução é desenvolvimento, progresso, movimento regular, transformação.

Quando falamos em evolução, vem à nossa mente a luz espiritual de algumas entidades ou uma longa e penosa escada que devemos subir para atingirmos o tão almejado reino dos céus.
Graças a doutrina espírita, hoje sabemos que o reino dos céus, ou até mesmo o inferno, é uma condição do nosso espírito, ou seja, o reino dos céus está dentro de cada um de nós em estado potencial.
Todas as qualidades que possamos imaginar estão dentro de nós, fazendo parte integrante do nosso ser.
Sendo assim, é fácil perceber que evolução é um processo de conscientização espiritual.
Evoluir é nos conscientizarmos do que somos na realidade, a expressão do amor de Deus, nosso Pai Criador.
Jesus quando se referiu ao reino dos céus, nos diz ser semelhante a um grão de mostarda que é a menor de todas as sementes, porém plantada e germinada, transforma-se na maior das hortaliças, a ponto de as aves do céu fazerem ninhos em seus galhos. Se observarmos, vamos verificar que todas as sementes trazem sua espécie em estado potencial.
Analisemos um simples grão de feijão. Podemos ver que ele traz dentro de si, em estado potencial, várias e várias sementes semelhantes.
Quando o observamos, é difícil perceber que isso é uma realidade, mas se plantarmos este mesmo feijão e esperarmos para que possa germinar, então o veremos nascer e produzir frutos, liberando neste desenvolvimento todas as suas potencialidades.
Um jovem raquítico que deseja desenvolver seus músculos, e resolve trabalhar para isso, entra numa academia de ginástica, passa a fazer exercícios disciplinadamente até conseguir, com espaço de meses ou anos, a musculação desejada.
Diante de nossos problemas temos a mania de nos autodesprezar. Quantas vezes não temos coragem de formular uma prece, porque achamos que Deus, Nosso Pai, ou Jesus não irá ouvi-las porque somos impuros, ou não merecemos as bênçãos do Alto.
Precisamos entender que Deus nos ama com amor infinito, independente de como estejamos, porque Ele sabe que as nossas inferioridades são resultantes de um processo de evolução, ou seja, de um processo de conscientização espiritual, e que chegaremos à meta para a qual fomos destinados.
Evolução, portanto, não é aumentar a nossa voltagem de luz, ou subir numa escada mística e imaginária. Evolução, é descobrir e conhecer o nosso mundo interior com todas as suas potencialidades para o bem, é descobrir que esse Deus, que muitas vezes procurávamos no infinito, está dentro de cada um de nós mantendo a nossa vida e o nosso ser.
André Luiz, em Evolução em Dois Mundos, na primeira parte, falando do fluido cósmico, nos diz:
"O fluido cósmico é o plasma divino, hausto do Criador ou força nervosa do Todo-Sábio. Nesse elemento primordial vibram e vivem constelações e sóis, mundos e seres, como peixes no oceano."
É interessante notarmos que as constelações, sóis, mundos e seres vivem no plasma divino como peixes no oceano. Ora, o peixe vive no oceano, para o oceano e pelo oceano, o que equivale a dizer que vivemos envolvidos pelo amor de Deus, Nosso Pai, como se fôssemos peixes no oceano. E é dentro desse Plasma Divino, dentro dessa providência divina que se processa o nosso desenvolvimento, a nossa evolução.
E para trilharmos esse caminho, essa trajetória, que chamamos de evolução, é indispensável não esquecermos o que Jesus nos ensina em João, cap. 14: 6:
"Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim". Façamos dos ensinamentos de Jesus, nosso Mestre e Senhor, o nosso caminho, a nossa verdade que nos conduzirá à vida eterna.
Estejamos certos de que todos nós estamos na posição e na condição exata para o nosso bem, para a nossa evolução espiritual e cada dia é dia de crescer, de expandir o nosso ser, a nossa consciência pela lei do amor, única, que nos levará a edificar o reino divino em cada um de nós. a Lei de amarmos a Deus sobre todas as coisas e principalmente o nosso próximo. 
PUBLICADO POR SÉRGIO RIBEIRO às 11:06

LINK DO POST | COMENTAR | favorito

.MAIS SOBRE MIM

.PESQUISAR NESTE BLOG

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27

.POSTS RECENTES

. FÉ RACIOCINADA

. COISAS TERRÍVEIS E INGÊNU...

. CAIM FUNDOU UMA CIDADE SE...

. OS HERÓIS DA ERA NOVA

. CONFLITOS E PERFEIÇOAMENT...

. GRATIDÃO: UM NOVO OLHAR S...

. PERDÃO DE DEUS

. A FÉ: MÃE DA ESPERANÇA E ...

. NO CRISTIANISMO RENASCENT...

. EM PAUTA – A TRISTE FESTA

.arquivos

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds